sábado, 17 de janeiro de 2009

As pessoas sempre vão embora, mas às vezes elas voltam



Desde o momento do nosso nascimento, e até mesmo bem antes, pessoas nos regristam, nosso fantasma e nosso corpo. Desde que somos criados há uma espécie de participação de estranhos conhecidos no nosso cotidiano.


Em nossa existência, em todas as fases dela, passam pessoas que nos ajudam a continuar a nossa história. Umas são esquecidas pelo tempo, outras nos marcam pra sempre. A vida passa e deixamos muitas delas de lado, até aquelas que foram parte importante na nossa estrada já percorrida.


Apenas escolhemos caminhos diferentes, e quando nos reencontramos, se é que isso acontece, as coisas não são mais as mesmas, tudo é modificado, e esquecemos parte do nosso passado, nem sempre as que foram menos significativa, mas sempre levando um pedaço de cada momento verdadeiro, triste ou alegre, e muitas vezes sem importância, até o fim de nossa existência.


Mudamos para nos fortalecer de certas derrotas, esquecemos para não lembrar partes dela. E assim continuamos a trilhar nossas escolhas e algumas decepções.


Mesmo sabendo que um raio não cai duas vezes no mesmo lugar, esperamos que isso aconteça, que revivamos aquela momento, deixando parecer que nada possa durar para sempre.
P.S.: Traduções das imagens: a primeira significa "as pessoas sempre vão embora, a segunda significa "às vezes elas voltam".

Um comentário:

marcelo disse...

parabéns meu anjo, isso aq é inspirador, continue assim, bjo...