quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Planejamos o futuro com bases em objetivos a serem alcançados.
Alguns os transformam em ilusões, os põe de lado e continuam a viver, ficando com a realidade, aquilo que já tem.
Outros seguem adiante, se apoiando nas projeções feitas, se segurando ao pensamento da vida que sempre quis: aquela casa, aquela viagem, aquele emprego na organização que veio cobiçando todo o tempo.
Segue adiante lutando por aquilo que sempre idealizou,
Consegue-se o emprego, começam a ocorrer as mudanças.
Pelo menos uma vez terá que se separar das pessoas com quem eram acostumados,
Mesmo que isso não ocorra, de alguma maneira terá que sair do seu local seguro, enfrentar o que há lá fora.
Talvez se adapte, ou não.
Pensamentos diferentes irão te rodear.
Não importe o quanto você tente, nem todo mundo irá concordar com o que pensa.
Vai presenciar exemplos do que não fazer pra continuar ali.
E todos aquelas coisas a não se fazer é exatamente o que faz com que você seja você, continue a ser você.
Não irá se transformar no que eles quiseram só pra fazer parte daquele grupo.
Haverá mudanças outra vez, e de novo, e de novo,
Até conseguir se adequar a um lugar, e finalmente o conseguir chamar de lar, conseguir chamar aqueles que o rodeam de amigos, conseguir a forma de vida ideal.
Concluirá que o que idealizou talvez não seja exatamente o que queria,
Mas poderia ter sido.
E com o tempo saberá disso, pois tentou, não recuou
E conseguiu viver conforme aquilo que um dia chegou acreditar.

2 comentários:

нєllєи Cαяσliиє disse...

E todos aquelas coisas a não se fazer é exatamente o que faz com que você seja você, continue a ser você.

Palavras bonitas! :)
Gostei do blog,tô seguindo! :)

Kewelyn Fernanda disse...

Adorei o texto... beijossssssss